BlogBlogs.Com.Br

2 de abril de 2011

10

Peso ideal? Então tem cor ideal, sexo ideal, altura ideal?



Oi meu bem!!

Essa semana estive doidoi e passei um dia e meio de cama.
Nessas muitas voltas do controle remoto, encontrei Leo Jaime dando uma entrevista no Sem censura.

Eita Homem inteligente!! Adoooro!!!
Eles estavam falando de uma matéria que saiu e que coloquei mais abaixo.
E não é que o danado tem razão...

É como coloquei no título:
Caramba vc nunca escutou dizer que "estou fora da altura ideal". "Tenho que aumentar 20cm de altura para chegar na altura ideal."

Porque vivemos tão obcecadas pelo PESO IDEAL?
Peso Ideal é uma meta fora da realidade que vc só consegue alcançar se tem uma estrutura óssea pequena, apelar para medicamentos que vão te envenenar, ou ficar paranóica por dieta.

Quantas pessoas que vc conhece após começar uma reeducação alimentar conseguiram chegar e manter o Peso Ideal estipulado por algum louco sem noção? kkkk

Isso não existe. Cada corpo tem sua forma. Claro que não estou dizendo aqui que ser gordo é legal ou não e legal.

SER SAUDÁVEL É LEGAL!!!

Então lutemos por um peso saudável, pela alegria de viver sempre.
Beijos e bom final de semana.!!!!


Léo Jaime: Gordo é o novo preto

Léo Jaime é ator, cantor e compositor

Rio - Quando Felipe França aqui desembarcou com três medalhas, uma de ouro e duas de bronze, vindo do último campeonato mundial de piscinas curtas, o que se comentava era seu peso. Com 100 kg e 14% de percentual de gordura, ele era mais do que um grande atleta: era a prova de que condicionamento e forma física não são necessariamente a mesma coisa. Tenho os mesmos 14% de percentual de gordura. Ao longo dos anos, fui aumentando de peso sem aumentar o percentual. A barriga cresce e é lá que guardo a perigosa gordura visceral. Estou sempre lidando com esta questão médica, e chata, mas tenho me mantido em forma e aumentado o peso magro, ou seja, adquirido músculos com exercícios. Portanto, posso dizer que estou bem condicionado. Dito isto, vamos ao real incômodo da minha condição. Chega de me justificar. Detesto fazer isto.

Ao longo dos anos ouvi, e ainda ouço, inúmeros “nãosprofissionais com a justificativa de que minha aparência não é boa, pareço decadente, etc. Passei 18 anos sem gravar, parecia que estava claro que minha barriga tinha substituído meu talento. Curiosamente, o público nunca acreditou nisso. Consegui vencer a resistência, mas não posso negar que ela exista e é forte. “Nadando contra a corrente, só pra exercitar”...

Voltando ao início: se um atleta pode ser medalha de ouro estando “acima do peso” seria correto dizer que existe um “peso” ideal? Nas Olimpíadas os atletas têm os mais variados tipos físicos e, sim, alguns são “gordos”. Mas vamos olhar por outro ângulo. Quando a adolescente lourinha matou os pais a pauladas em São Paulo, o comentário mais ouvido era “como foi que uma moça tão bonita fez uma coisa dessas?”. Como se gente bonita não matasse. Quando vi pela TV os bandidos fugindo da Vila Cruzeiro, não vi um bando de gordinhos. Eram até bem atléticos e “magros”.

O título deste artigo se refere a um movimento americano, “Fat is the new black”. Repare que a tradução não é “o novo negro” mas sim “o novo preto”. É uma expressão do mundo da moda: o novo preto é aquilo que parece ser a óbvia boa escolha, o que não tem erro, o pretinho básico. Todos são ou vão ser gordos, ou gostar de um gordo, ou admirar, ou ter prazer com um, seja em que nível for. Conviva com esta ideia. O desejo transcende a forma. Há um grande, um enorme preconceito. Este, sim, muito acima do peso. O preconceito contra os gordos é o único tolerado hoje em dia. Ou contra os feios, vá lá!

Está claro que, ao contrário do que a arte estabeleceu, através dos séculos, as formas arredondadas foram para o brejo. Mulheres, parem com essa obsessão de perder 2 kg! Homens gostam de mulheres companheiras, bem-humoradas e boas de cama. Homens, atenção! Quem repara demais na celulite das moças acaba preferindo bunda de rapaz. Não que eu tenha algo contra. Cada um que descubra o que lhe apraz. Brincadeiras à parte, deixe-me concluir. Não é preciso aceitar, mas tolerar. Eu é que não sei se tenho estômago para tolerar o preconceito.

Matéria aqui: CLIQUE AQUI

1 de abril de 2011

0

Desafio das Estações - Auto conhecimento



Leia as perguntas abaixo, reflita e responda com muita sinceridade:
  • Quantos quilos você precisa perder para se sentir melhor?
  • 10kg para começar estão perfeitos
  • Você subestima a capacidade de conquistar seus objetivos?
  • Não, sei que sou capaz. É ter a oportunidade e a força de vontade. Sei que consigo.
  • O que te impede de emagrecer?
  • Força de vontade e oportunidade de me colocar em primeiro lugar na minha própria vida.
  • Você consegue comprar roupa normalmente?
  • Compro roupa normalmente mas não as que gostaria. São sempre as que ficam bem em mim. Nem toda roupa fica legal em uma mulher acima do peso.
  • Você é gorda de verdade ou só precisa perder alguns quilinhos?
  • Com 20Kg viro a ultima bolacha do pacote (kkkkk), mas estou gorda de verdade. Mas o pior, para mim, não são os quilos a mais. O pior mesmo foi minha saúde que ficou mais frágil a medida que o peso subia.
  • Você usa calça jeans sem lycra?
  • Não. E mesmo quando estiver com o corpo da Viviane Araújo (Linda!!!) vou continuar usando. Calça jeans com lycra, para gorda ou não, deixa o corpo mais sensual, mais feminino.
  • Você troca de roupa mais de uma vez sempre que vai sair?
  • As vezes. Depende muito do estado de espírito, mas de uma forma geral, já tenho ideia do que vou usar.
  • Você frequenta praias e piscinas com frequência?
  • Claro. AINDA não tenho o corpo que desejo mas tenho o maior orgulho dele. Além disso meu maior objetivo é voltar a ter saúde.
  • Seu peso impede que você faça alguma coisa que gostaria?
  • Não me impede,mas algumas vezes me limita. Quero ter um bebe e preciso estar com o corpo mais saudável para recebê-lo. Além disso sou louca para aprender a andar de patins, frequentar um parque de diversões sem me olharem atravessado,...essas coisas simples que quando se está acima do peso não combinam muito.
  • O que você comeu de "purpurinado" hoje?
  • Ainda não tomei café, por isso ainda não comi nada muito calórico.
  • Como se sentiu depois?
  • Quando estou nas minhas compulsões me sinto triste porque não resisti ao impulso de assaltar a geladeira. É sempre o mesmo pensamento: "amanha eu como menos"
  • Você é feliz?
  • Muito. O excesso de peso não eliminou minha alegria. Sigo de bem com a vida, de bom humor, amando cada dia de vida que Deus me permite ter ao lado da minha bb.
  • O que falta em sua vida?
  • Minha mãe.
  • Se você tivesse direito a três desejos, quais seriam ?
  • 1. Ter minha mammy comigo outra vez (desta vez a levaria comigo ao Uruguay kkk)
  • 2. Que o mundo inteiro vivesse em harmonia;
  • 3. Que eu só deixasse essa vida quando Millena já pudesse viver sem mim.
  • Se você acordasse com o peso desejado, qual a primeira coisa que faria?
  • Seguiria minha rotina de vida (banho, café da manha, trabalho,... e na volta do trabalho compraria um vestido lindo)
  • Como você acha que será sua vida quando estiver com o peso ideal?
  • Estou em busca de saúde. O peso nunca foi problema em minha vida a não ser por questões de saúde. Assim que quando estiver com um peso saudável acredito que vou tomar menos medicamentos, ter menos dores de cabeça, e mais disposição.
  • O que você está fazendo para que esse dia chegue logo?
  • Nada, mas estou preste a fazer modificações bem intensas em mina vida.
Related Posts with Thumbnails